“Menor quantidade de vacinas para o Nordeste demonstra preconceito do governo Bolsonaro”, critica Acrísio Sena


Essa notícia também possui um Podcast:

O deputado estadual Acrísio Sena (PT) classificou como preconceituosa a atitude do governo federal em enviar uma quantidade menor de vacinas para o Nordeste. “Nos somamos ao Ministério Público do Estado neste questionamento ao Ministério da Saúde, que destinou mais vacinas às regiões Sul e Sudeste. Mas o povo nordestino é forte e sabe responder à altura. O maior exemplo é o governador Camilo Santana, que está utilizando R$ 300 milhões de recursos próprios para compra da vacina russa Sputnik, através do Consórcio Nordeste, e que deve receber a primeira remessa esta semana. Não à toa Fortaleza já vacinou 50% da sua população. Com muita garra, vamos vencer a pandemia e o preconceito do governo Bolsonaro”, afirmou.

ENTRE EM CONTATO